terça-feira, outubro 16, 2012

Texto escrito em 2002, em Santa Cruz, Califórnia, e adaptado em 2012, em Porto Alegre,RS.

 Santa Cruz, CA

Montgomery Bus Boycott

O movimento em defesa dos Direitos Civis  iniciou nos Estados Unidos no dia em que Rosa Parks, uma negra franzina e teimosa resolveu enfrentar a lei que não permitia aos negros sentarem nas cadeiras reservadas aos brancos nos ônibus. Rosa Parks não obedeceu a ordem do motorista do ônibus para ceder seu lugar a um branco, e foi presa pela polícia. Em protesto por sua prisão injusta a comunidade de negros e alguns branquelas da cidade de Montgomery, no Estado do Alabama, começaram um boicote a companhia de transportes municipal. Como consequência, o serviço público perdeu grandes quantias em arrecadação. O episódio ficou conhecido como  “Montgomery Bus Boycott”, e após 382 dias de protestos pacíficos, a Suprema Corte Federal revogou a exdruxula lei do Estado sulista do Alabama que proibia negros frequentarem as mesmas escolas e locais públicos que os brancos. Mas quando isso ocorreu, em 1955, o movimento já havia sido capa da revista Times, e havia se alastrado por todo país, contando com a adesão de gente famosa, como o pastor Martin Luther King Jr. e o senador John Keneddy.  Rosa Parks faleceu em 2005, aos 92 anos. Sua coragem e resistência pacífica serviram de exemplo ao povo Americano. O movimento em defesa dos Direitos Civis deixou como legado ao povo americano o senso de que liberdade é sinônimo de igualdade, e a democracia não é propriedade de um grupo ou partido político, é antes de tudo um direito dos cidadãos, independente de sua classe social.

Deixe sua opinião: clique aqui